08_Junho_-_ACTA.PNG
ElementoTempoAzul1

08 JUN  /  IMPROVÁVEL | ACTA

Trata do reencontro improvável (?) entre dois homens que antes se haviam cruzado em dado momento e circunstância das suas vidas em papéis opostos. Eram então ambos jovens. Conheceram-se na tristemente célebre Rua António Maria Cardoso, na sede da PIDE/DGS, em Lisboa. Um era prisioneiro político e o outro o seu algoz. Um foi torturado, o outro foi o seu torturador.

O espetáculo desenvolve-se em dois momentos distintos. No primeiro, dois monólogos interiores as personagens falam de si, cada uma relata a sua própria vida passada e presente; no segundo, acontece o reencontro e então é que se dá o embate das suas distintas realidades atuais. A ação decorre poucos dias antes dos 45 anos do 25 de abril de 1974.

Texto: José Martins 
Encenação: Luís Vicente 
Assistente de encenação: Sara Mendes Vicente 
Espaço cénico: Luís Vicente 
Adereços: Tó Quintas 
Desenho e operação de luz: Otávio Oliveira 
Intérpretes: Luís Vicente e Pedro Monteiro 
Produção: Elisabete Martins 
Uma produção da ACTA A Companhia de Teatro do Algarve

 
08 Junho, 21h30
Local: Grande Auditório
Duração: 65 min
Classificação etária: M/14
Preço: 10,00€ | 5,00€ (estudantes)
Bilhetes em tempo.bol.pt
@ 2017 Todos os direitos reservados > TEMPO -Teatro Municipal de Portimão > Ficha técnica